Vida de Cinema

Para os cinéfilos de plantão, uma boa dica de leitura é a autobiografia recém-publicada de Cacá Diegues.  IMG_4052

Apesar de suas seiscentas e muitas páginas, o livro é super fácil e gostoso de ler, apresentando-nos os bastidores da história do cinema brasileiro, com ênfase no período do Cinema Novo, movimento do qual Cacá Diegues foi um dos fundadores.

O livro faz também um excelente apanhado da evolução política de nosso País, fazendo-nos viajar para dentro de um dos períodos mais complicados de nossa história, o da ditadura militar, e depois rumo à democratização e à abertura.

Vida de Cinema é uma prazerosa viagem no tempo, daquelas capazes de transportar-nos para bem próximo de grandes personalidades da cultura brasileira, como Nara Leão, primeira esposa de Cacá e uma das musas da Bossa Nova, fora Chico Buarque, Glauber Rocha – de quem o cineasta era grande amigo -, Arnaldo Jabor e muitos outros. Sem falar nas personalidades do cinema internacional com quem Cacá teve o privilégio de trabalhar ou a honra de conhecer. Entre essas estão Jeanne Moreau (que atuou em seu filme Joanna Francesa, de 1973) ou Rita Hayworth (de quem recebeu um simpático bilhetinho, até hoje pendurado na parede de seu escritório).

Sem dúvida, uma excelente leitura para os apaixonados por cinema ou pela história brasileira tout court.

Veja aqui Nara Leão cantando a música do filme Joanna Francesa.

Vida de Cinema – Antes, durante e depois do Cinema Novo

Autor: Cacá Diegues

Editora Objetiva

678 páginas

 

~ by Lilia Lustosa on setembro 1, 2014.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

 
WP Like Button Plugin by Free WordPress Templates