Brasília, Contradições de uma Cidade Nova (1967)

Veja o filme aqui!

Para os brasilienses, candangos e brasileiros que se interessam pela história de nosso país, uma boa dica é o curta Brasília, Contradições de Uma Cidade Nova (1967), de Joaquim Pedro de Andrade. Brasilia-Contradicoes-de-uma-Cidade-Nova

Realizado em plena ditadura militar, o filme cinemanovista, apesar de mostrar lindas imagens da nossa capital ainda em construção, não agradou aos militares, nem a Lúcio Costa na época em que foi exibido, no Festival de Cinema de Brasília de 1967. A censura recomendou que algumas cenas fossem cortadas e Joaquim Pedro de Andrade, com medo de perder o filme, acabou escondendo a película por muito tempo. Isso porque, já naqueles tempos, o jovem diretor, assim como seus colegas, roteiristas do documentário, conseguiam enxergar o que hoje é tão claro para todos nós: a utopia modernista chamada Brasília – cidade democrática que integraria as classes sociais – nasceria e morreria ali mesmo no papel, no belíssimo traço do arquiteto Niemeyer.

A narração que conduz o filme, feita por um narrador sem identidade, vai pouco a pouco revelando-nos o que é da ordem do sonho e o que é da realidade. Entrevistas com alguns operários anônimos dão um tom ainda mais crítico aos vários planos de monumentos, avenidas e prédios residenciais da capital, denunciando, assim, que a arquitetura, mesmo que pensada com esmero, não consegue ser mais forte do que os hábitos do povo que preenche seus prédios e ruas.

A catedral ainda no esqueleto, o teatro nacional inacabado, a W3 já engarrafada, a rodoviária, as Super Quadras com suas escolas e clubes de vizinhança, fora toda aquela imensidão de terra vermelha emocionam os nascidos, criados ou apaixonados pela capital. Vale a pena conferir!

Ficha técnica

Brasília, Contradições de Uma Cidade Nova (1967)

Origem: Brasil

Diretor: Joaquim Pedro de Andrade

Roteiro: Joaquim Pedro de Andrade, Jean-Claude Bernardet e Luis Saias

Narração: Ferreira Gullar

Documentário, 22’

PS. Existe um documentário de 2013, Plano B, de Getsemane Silva, que revisita o curta de Joaquim Pedro, tentando desvendar os mistérios de sua produção e de seu desaparecimento durante o regime militar. Infelizmente, ainda não consegui assistir. Mas o farei em breve e depois comento aqui!

 

~ by Lilia Lustosa on agosto 25, 2014.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

 
WP Like Button Plugin by Free WordPress Templates